19 de Junho de 2024
19 de Junho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

VGNJUR Terça-feira, 13 de Setembro de 2022, 08:36 - A | A

Terça-feira, 13 de Setembro de 2022, 08h:36 - A | A

resolução

STF regulamenta auxílio-moradia a juízes e servidores comissionados

Servidores poderão ganhar auxílio-moradia no valor de até R$ 9,8 mil

Lucione Nazareth/VGN

O agora ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, regulamentou o pagamento do auxílio-moradia aos juízes federais e servidores comissionados da Corte. A informação consta em resolução publicado no Diário da Justiça Eletrônico (DJE).

De acordo com o documento, o auxílio-moradia será pago aos magistrados e servidores federais quando de sua nomeação ou designação, não se situe dentro dos limites territoriais do Distrito Federal.

O valor mensal do auxílio-moradia pago a juízes designados para atuar no STF será definido. Já para os servidores ocupantes de cargo em comissão, o valor mensal do auxílio-moradia será limitado a 25% da remuneração integral do cargo e, em qualquer hipótese, não poderá ser superior a 25% do subsídio de Ministro de Estado [R$ 39.293,32] - fixando o teto em R$ 9.823,33 mil.

O pagamento será realizado por reembolso das despesas comprovadas com aluguel ou hospedagem e levará em consideração a quantidade de dias em efetivo exercício no STF. Será vedada a divisão do valor-limite.

O auxílio-moradia abrangerá apenas gastos com alojamento, não sendo cobertas despesas de condomínio, taxa extra, água, energia, gás, telefone, alimentação, internet, impostos, taxas e outras despesas acessórias do aluguel ou da contratação de hospedagem.

“Os pedidos de concessão do auxílio-moradia e de reembolso dos valores gastos serão realizados por meio de preenchimento de formulário eletrônico específico, disponível no Sistema Eletrônico de Informações (SEI), que deverá ser encaminhado à Central de Atendimento ao Servidor (CATS). A solicitação de reembolso do aluguel ou hospedagem deverá ser realizada preferencialmente até o 5° dia útil do mês subsequente ao que se referir, por meio de formulário próprio e da juntada dos documentos”, diz trecho extraído da resolução.

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).   

Comente esta notícia

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760