20 de Junho de 2024
20 de Junho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

Política Quarta-feira, 12 de Janeiro de 2022, 14:52 - A | A

Quarta-feira, 12 de Janeiro de 2022, 14h:52 - A | A

VEJA VÍDEO

Morador de rua de MT recusa ajuda de prefeito e pede cachaça ao invés de emprego

O prefeito foi surpreendido pelo cidadão que escolheu bebida ao invés de ajuda: “Pinga não!"

Adriana Assunção/VGN

O prefeito de Sorriso (a 420 km de Cuiabá), Ari Lafin (PSDB) foi pessoalmente tentar convencer os moradores em situação de rua a aceitar a ajuda da Secretaria de Assistência Social do município. Entretanto, foi surpreendido pelo cidadão que escolheu bebida ao invés de ajuda.

“Nós temos que resgatar vocês para sociedade, vocês têm que se ajudar, vocês têm que ser os primeiros a dizer: nós queremos ajudá-los. Nós temos a clínica de recuperação, temos emprego para vocês”, disse o prefeito, sendo interrompido por um morador que fez gesto que revela a vivência de rua e o alcoolismo, mostrando preferir bebida. Em resposta ao ato, o prefeito declarou: “Pinga não! Pinga não é o caminho! O caminho é a dignidade. Venham com a gente, nós vamos internar vocês, vamos cuidar de vocês, nós estamos com os vereadores, estamos com a primeira-dama, vocês são pessoas importantes para nós. Vocês não precisam dessa vida e o poder público pode dar tudo para vocês, nós queremos devolver a dignidade”.

Leia também: Família de VG organiza rifa para construir quarto adaptado para filha com múltiplas deficiências

Os moradores em situação de rua também reclamaram da ação da polícia, neste caso, tanto o prefeito como a primeira-dama, Jucelia Ferro, afirmou que a polícia está ajudando a cuidar deles. Conforme informações do município, a Assistência Social através do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) faz as abordagens, quem aceita é levado para uma casa de acolhimento. A técnica também tenta localizar familiares. Porém, a maioria não aceita o acolhimento e preferem estar na rua pedindo esmolas.

Para incentivar a população em situação de rua a buscar ajuda, Sorriso realiza campanha “Não dê esmola, dê cidadania. Ajude uma entidade" em parceria com a Polícia Militar e Polícia Civil. Ainda conforme a Prefeitura, durante a ação conjunta, já foi possível encontrar foragidos da justiça em meio a população de rua.

 

 
 

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).   

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760