17 de Junho de 2024
17 de Junho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

Política Sexta-feira, 24 de Junho de 2022, 13:55 - A | A

Sexta-feira, 24 de Junho de 2022, 13h:55 - A | A

"cantor ruim influencia mau gosto"

Wilson critica prefeitos por contratarem músicos que cantam sofrência

As críticas de Wilson foram durante discussão do projeto que estabelece que dinheiro público seja aplicado em artistas regionais

Adriana Assunção/VGN

O deputado Wilson Santos (PSD) interrompeu as discussões durante sessão ordinária da Assembleia Legislativa na quarta-feira (22.06), para uma crítica ao “mau gosto” dos prefeitos na contratação de shows nacionais.

O ‘puxão de orelha’ do parlamentar foi durante a votação do projeto de lei nº 1186/2021, que estabelece a obrigatoriedade de contratação de cantores, instrumentistas, bandas ou conjuntos musicais locais nos shows, festejos e eventos culturais financiados por recursos públicos.

“Eu queria dizer para os municípios capricharem mais na contratação, porque tem cantor ruim que vem também em nível nacional, cada musiquinha canahim canhaim, ordinária. Isso vai influenciar na cabeça do povo para pegar gosto por coisas de mau gosto. Eu não vejo grandes cantores, com grandes composições, música clássica, MPB, é uma sofrência que pelo amor de Deus. Prefeitos, vamos caprichar aí, vamos trazer gente de melhor qualidade e está certo (o projeto) valorizar o pessoal daqui”, declarou Wilson. 

Leia mais: Deputada propõe que dinheiro público seja aplicado em artistas regionais

A declaração foi durante explicações de Botelho, que justificava porque apresentou um substitutivo à proposta de autoria da deputada Janaina Riva (MDB). Segundo ele, a proposta de Janaina que obriga a contratação de cantores regionais não estabelecia valores e com isso sugeria que pudesse ser pago qualquer cachê. Em razão disso, apresentou um substitutivo dizendo que 70% dos recursos podem ser usados para cantores nacionais e no mínimo 30 % ser utilizado para cantores regionais.

“Eu acho que é o mínimo que tem que ser feito, tem local que gasta R$ 600 a R$ 700 mil e depois gasta R$ 20 com cantores daqui pagando mil reais e parece que está fazendo um favor para o cara de abrir um espaço. Eu já vi um cara falando, nós estamos deixando você cantar aqui. É uma falta de respeito total né, então eu acho que é o mínimo.”

Já ao comentar a emenda o substitutivo apresentado por Botelho, Wilson  completou que os cantores regionais estão "quebrados" e a Casa de Leis precisa ajudar a categoria. Vamos dar uma ajuda. Botelho está certo, fez uma emenda importante, porque se continuar assim eu vou virar cantor aqui neste Estado.”

Entretanto, a proposta teve votação adiada, após Botelho conceder o pedido de vista ao deputado Ludio Cabral (PT).

Leia também: Prefeituras investem mais de R$ 1 milhão em shows de Titãs, Barões da Pisadinha, Lauana e Fernando e Sorocaba

 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 

Uma publicação compartilhada por VGN (@vgnoticias.oficial)

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).   

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760