23 de Julho de 2024
23 de Julho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

Política Sexta-feira, 04 de Novembro de 2022, 14:16 - A | A

Sexta-feira, 04 de Novembro de 2022, 14h:16 - A | A

Expectativa

Ludio espera que bancada bolsonarista de MT saia do mundo paralelo e discuta pautas concretas ao Brasil

Ludio falou sobre as expectativas do Governo Lula, bem como, afirmou que os deputados federais bolsonaristas precisam ter maturidade

Adriana Assunção & Kleyton Agostinho/VGN

O deputado estadual Ludio Cabral (PT) demostrou estar esperançoso com o Governo do presidente da República eleito, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que se inicia a partir de 2023. O petista falou sobre as expectativas do Governo Lula, bem como, afirmou que os deputados federais bolsonaristas - que acabaram de ser eleitos para o próximo mandato - precisam ter maturidade para sair da realidade paralela do bolsonarismo e vir para o mundo real. Segundo ele, Lula vai acolher todos.

“O Lula deixou muito claro, eleição passou, ele será presidente de todos os brasileiros, vai chamar para mesa todos os governadores, todos de forma respeitosa e propositiva, todos os prefeitos, toda sociedade civil, entidades de trabalhadores, de empresários, para poder governar o país em sintonia, tirar o país desse ambiente ruim de prolongamento de disputa”, opinou o deputado. 

Temos que discutir problemas concretos da população

Leia também: Mendes respeita manifestação democrática e refuta pedidos de intervenção militar; “fora da legalidade”

Ainda sobre os deputados mato-grossenses eleitos, Ludio afirmou que ainda aguarda saber qual será o comportamento da bancada. “Espero que eles tenham maturidade para se libertarem de pautas sem sentido, passaram a campanha falando de banheiro unissex, em aborto, drogas e não sei mais o que. Temos que discutir problemas concretos da população”, destacou.

Já sobre o Governo Lula, o deputado estadual destaca três principais pontos, o combate a fome e retomada do poder de compra, um diálogo institucional e a retomada de programas consideradas por ele como fundamentais.

“Mal começou o processo de transição e a equipe já está encontrando espaço, por exemplo, para reajustar o salário mínimo acima da inflação. Eu tenho certeza que o Governo irá lançar um grande problema, a exemplo do que foi a fome zero, para poder enfrentar o problema da fome, tem mais de 600 mil pessoas em Mato Grosso passando fome todo dia”, declarou.

Segundo Ludio, a segunda ação de Lula, será retomar um diálogo institucional e aqui em Mato Grosso, identificar quais os problemas estruturais do Estado que precisam da atuação do Governo Federal. “Isso em diálogo com o Governo que assume também o mandato né. A 163, a 158, a ferrovia tem que ser pauta de diálogo.”

Já a terceira ação, segundo Ludio, deve ser focada nas políticas públicas que deixaram de existir, mas fundamentais aos mais vulneráveis. “Financiamento da agricultura familiar, fortalecimento da área da ecologia, programa de aquisição de alimentos para a gente melhorar a qualidade de vida do povo na totalidade. Luz para todos, retomar todos esses programas”, disse.

 

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).   

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760