21 de Julho de 2024
21 de Julho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

Política Quarta-feira, 30 de Março de 2022, 11:16 - A | A

Quarta-feira, 30 de Março de 2022, 11h:16 - A | A

ELEIÇÕES 2022

Avalonne não saí do PSDB e espera decisão de Jayme sobre filiação de Lucimar

O deputado Carlos Avalonne rechaça que o PSDB pode acabar em Mato Grosso

Edina Araújo/VG Notícias

O deputado Carlos Avalonne, presidente do PSDB no Estado - garantiu em entrevista à imprensa na manhã desta quarta-feira (30.03), que não irá deixar a sigla. Quanto a filiação da ex-prefeita de Várzea Grande, Lucimar Campos (UB) no PSDB, Avalonne disse que não há nada sacramentado – são apenas conversas. “Eu fiz uma ligação ao senador Jayme Campos, Nilson Leitão tem conversado com ele diariamente e para nós seria uma honra, um orgulho ter Lucimar em nosso partido”, externou Carlos Avalonne.

Segundo o tucano, a decisão final eleitoral será na próxima na sexta-feira (02.04), mas ele destacou que não significa que não possa acontecer antes.

Sobre Lucimar Campos, o deputado disse que aguarda a decisão de Jayme Campos (UB), pois, conforme Avalonne é o senador quem determina a questão da Lucimar Campos migrar para o PSDB ou não. “Nós estamos aguardando, quem determina, tem o controle e a decisão sobre este assunto é o senador Jayme Campos, uma das maiores lideranças do Estado, está tratando deste assunto com todo cuidado que merece. Estamos aguardando e torcendo para que isso aconteça”.

A saída de Wilson Santos do PSDB, conforme Avalonne, não traz nenhuma desavença – ele disse que o partido está de portas abertas para o deputado, que deixa muitos amigos na sigla. Ele disse ainda entender a questão partidária e o momento da legislação eleitoral.
Sobre a possibilidade de o PSDB deixar de “existir” em Mato Grosso com a saída de correligionários, Carlos Avalonne rechaçou. Ele disse que o PSDB tem mais de 45 mil filiados – e, segundo ele, não vier mais ninguém para o partido, ainda assim consegue formar uma “boa” chapa com quem está filiado. “Não temos esta preocupação. Teremos candidatos a deputado estadual, federal e até uma majoritária. Já pensou se vier uma Lucimar Campos para o partido, será excelente. Tem outros partidos com muito mais problema que o PSDB e citou como exemplo o PTB e o PL”.

Para finalizar, o presidente da sigla disse estar otimista, que na “pior das hipóteses” o PSDB faz dois deputados estaduais - e se acontecer algo diferente – podem até fazer mais.

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).   

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760