13 de Junho de 2024
13 de Junho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

Política Quinta-feira, 26 de Maio de 2022, 09:44 - A | A

Quinta-feira, 26 de Maio de 2022, 09h:44 - A | A

Homologação de federação

PT, PCdoB e PV articulam para apresentar candidato de consenso ao Governo; Stopa e Maria Lúcia são mais cotados

Stopa e Maria Lúcia são mais cotados para ser candidato de Lula em MT ao Governo

Lucione Nazareth/VGN

Os diretórios regionais do PT, PCdoB e do PV em Mato Grosso, que irão compor a Federação Brasil da Esperança, homologada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), já estão “quebrando a cabeça” para buscar um nome de consenso ao Governo do Estado, para dar palanque no Estado ao presidenciável Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Até o momento, dois nomes estão trabalhando junto a Federação, são eles: o do vice-prefeito de Cuiabá, José Roberto Stopa (PV); e da ex-reitora da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), a professora Maria Lúcia Cavalli Neder (PCdoB).  Stopa articula sua candidatura com apoio do prefeito da Capital, Emanuel Pinheiro (MDB), enquanto Maria Lúcia, segundo pessoas do próprio PT e PCdoB, já teria recebido aval de Lula durante uma reunião com deputados em Brasília.  

Leia Mais - Ex-reitora da UFMT, Maria Lúcia pode ser candidata de Lula em MT: “Tem mais identidade com PT”

Nessa quarta-feira (26.05), o Diretório Estadual do PT lançou dois pré-candidatos ao Governo: o professor Domingos Sávio (PT) e Reinaldo Araújo. Porém, o partido está bastante dividido e deve anunciar o nome oficial para apresentar as demais legendas que compõem a Federação no próximo domingo (29.05). 

Leia Mais - Dividido, PT lança candidaturas majoritárias e espera homologação no encontro de domingo

Já em relação ao Senado, apenas o PT colocou um nome na disputa, James Cabral, irmão do deputado estadual Lúdio Cabral e que ficou em quarto lugar na disputa à Prefeitura de Cáceres na eleição de 2020.  

Nos bastidores comenta-se que caso o nome de Maria Lúcia Cavalli Neder não seja escolhido para disputar o Governo, ela seria um “nome forte” para disputar uma vaga ao Senado.  

Lembrando que as federações são uma novidade nas eleições deste ano. Nesse arranjo, os partidos selam uma união por pelo menos quatro anos, e passam a funcionar como uma única legenda no Congresso – dividindo fundo partidário, tempo de televisão e unificando o conteúdo programático.  

Desta forma, PT, PCdoB e PV irão manter a aliança em Mato Grosso para a próxima eleição de 2024 visando as Prefeituras e as Câmaras Municipais.  

Leia Mais - TSE aprova federação entre PT, PC do B e PV

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).   

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760