25 de Julho de 2024
25 de Julho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

Política Quarta-feira, 19 de Junho de 2024, 16:51 - A | A

Quarta-feira, 19 de Junho de 2024, 16h:51 - A | A

TROCA DE FARPAS

Deputado defende Ibama e critica secretária de Meio Ambiente: "não tem moral para falar"

Deputado acredita que Mauren precisa resolver os problemas internos da SEMA antes de se meter em outros assuntos

Nicolle Ribeiro & Angelica Gomes/ VGN

O deputado estadual Valdir Barranco (PT), em entrevista à imprensa nesta quarta-feira (19.06), criticou a atuação da secretária Mauren Lazzaretti, à frente da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT), alegando que ela não tem moral para falar do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama). 

Barranco citou que há 10 anos na Sema não conseguiu resolver os problemas com os garimpos ilegais. Mauren afirmou, nesta terça-feira (18), que as obras no Portão do Inferno, na MT-251 vão ser liberadas pelo Ibama em 10 dias. 

Para Barranco, a secretária não tem motivos para se meter no assunto, pois dentro de sua própria secretaria há situações fora de seu controle, como demora nas licenças ambientais de Cadastro Ambiental Rural (CAR) para os agricultores familiares e garimpos ilegais sem fiscalizações.

“A Mauren não tem moral para falar do Ibama, porque ela está na SEMA há mais de 10 anos. E essa SEMA é um problema para o Estado. É uma SEMA que fragiliza os mais pobres. Ela tem milhares de licenças ambientais de CAR para agricultores familiares que emperram eles do desenvolvimento do Estado, porque eles ficam impedidos de contraírem os financiamentos de instituições bancárias, inclusive de programas sociais do Governo Federal, e ela não sai de cima desses processos, ela não decide. Então tem muito problema para Mauren cuidar. Ela tem que cuidar dos garimpos ilegais, que são muitos no Estado de Mato Grosso, que não tem licença e ela não fiscaliza”, declarou Barranco.

Se tem um responsável aí, é o governo do Mauro Mendes e da Mauren, que durante cinco anos como secretária, eles não tomaram providências em relação a isso

Barranco defendeu que a situação do Portão do Inferno não é culpa do Governo Federal e sim do Governo Estadual. O deputado disse que o governador já está há seis anos no comando do governo e tinha conhecimentos dos problemas que encontrava o local, assim como a secretária da SEMA, Mauren.

"Se tem um responsável aí, é o governo do Mauro Mendes e da Mauren, que durante cinco anos como secretária não tomaram providências em relação a isso", afirmou o parlamentar.

Segundo o deputado, Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) fez 21 considerações ao projeto do governo do Estado que promete resolver definitivamente o problema de deslizamentos na região que devem ser analisadas pelo Ibama.

O pedido de autorização das obras é aguardado desde março, quando o governador Mauro Mendes assinou a ordem de serviço com a Lotufo Engenharia e Construções LTDA, empresa que fará o recorte dos paredões e o novo traçado da MT-251, pelo montante de R$ 29,5 milhões. Assim que emitida a licença, a empresa terá 120 dias para concluir as obras.

Leia também - Deputados de MT derrubam veto e mantém filmagem em treinamentos militares

 
 
 
 
 

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).   

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760