22 de Junho de 2024
22 de Junho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

Política Terça-feira, 17 de Maio de 2022, 08:28 - A | A

Terça-feira, 17 de Maio de 2022, 08h:28 - A | A

mudança

Governo altera regra sobre piso do frete pago a caminhoneiros

Frete será revisto se valor do diesel oscilar a partir de 5%

Lucione Nazareth/VGN

O presidente Jair Bolsonaro (PL) publicou nesta terça-feira (17.05) a Medida Provisória 1.117/2022 que altera a lei que aborda os fretes pagos a transportadores de carga. A publicação consta do Diário Oficial da União (DOU).  

Atualmente, além da revisão semestral do valor, estava previsto a revisão extraordinária sempre que o diesel registrasse um aumento de pelo menos 10%. A partir de agora, conforme a Medida Provisória 1.117/2022, a porcentagem necessária para que haja esse reajuste é de 5%.  

“Sempre que ocorrer oscilação no preço do óleo diesel no mercado nacional superior a 5% (cinco por cento) em relação ao preço considerado na planilha de cálculos de que trata o caput deste artigo, para mais ou para menos, nova norma com pisos mínimos deverá ser publicada pela ANTT, considerando a variação no preço do combustível”, diz trecho da publicação.  

Em nota, a Secretaria-Geral da Presidência da República afirmou que a mudança visa “atenuar o impacto da alta dos combustíveis sobre o setor de transporte rodoviário de cargas”.

Leia Também - Governo de MT cita aumento do combustível e promete recorrer no STF sobre ICMS no diesel

MEDIDA PROVISÓRIA Nº 1.117, DE 16 DE MAIO DE 2022

Altera a Lei nº 13.703, de 8 de agosto de 2018, que institui a Política Nacional de Pisos Mínimos do Transporte Rodoviário de Cargas.

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 62 da Constituição, adota a seguinte Medida Provisória, com força de lei:

Art. 1º A Lei nº 13.703, de 8 de agosto de 2018, passa a vigorar com as seguintes alterações:

"Art. 5º .............................................................................................................

.....................................................................................................................................

§ 3º Sempre que ocorrer oscilação no preço do óleo diesel no mercado nacional superior a 5% (cinco por cento) em relação ao preço considerado na planilha de cálculos de que trata o caput deste artigo, para mais ou para menos, nova norma com pisos mínimos deverá ser publicada pela ANTT, considerando a variação no preço do combustível.

..........................................................................................................................." (NR)

Art. 2º Esta Medida Provisória entra em vigor na data de sua publicação.

Brasília, 16 de maio de 2022; 201º da Independência e 134º da República.

JAIR MESSIAS BOLSONARO

Marcelo Sampaio Cunha Filho

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).   

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760