23 de Julho de 2024
23 de Julho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

Cidades Segunda-feira, 19 de Dezembro de 2022, 17:20 - A | A

Segunda-feira, 19 de Dezembro de 2022, 17h:20 - A | A

Ouça áudio

Jovem diz que apresentador bateu e mandou ela correr antes que ele a "matasse"

Uma testemunha gravou a confissão da jovem e como tudo teria acontecido

Gislaine Morais/VGN

Áudio vazado, supostamente da  jovem K. G. da C., 20 anos, esposa do apresentador Lucas Ferraz, revela que após ser agredida pelo marido no sábado (17.12), ela confessa  que não adiantava procurar a delegacia, pois, Lucas ia chegara lá, conversar com todo mundo, sair e ainda iria dizer que foi uma “discussãozinha”. A gravação foi feita por testemunhas que ampararam a vítima após ela ter sido agredida pelo marido.

Leia matéria relacionada - Repórter da TV Record é preso por agredir esposa após confraternização em MT

As testemunhas que estavam com a jovem, tentaram convencê-la a procurar a delegacia, devido ela estar muita machucada, e quase não conseguia respirar, pois o nariz aparentava estar quebrado.

A jovem continuou se negando, e a testemunha falou que não teria como o apresentador falar que foi uma discussão, pois K.G. estava toda machucada. A testemunha ainda disse: “Eu vou ser realista com você, a cidade de Tangará da Serra acha o Ferraz um babaca”, a jovem retrucou que ele era um babaca.

Em seguida, chorando, ela relatou o que aconteceu na confraternização que gerou a discussão e as agressões. Segundo K.G., ela estava lá com as amigas, quando um homem identificado por Roger chegou e ofereceu uma bebida, ela recusou e disse que estava tomando refrigerante.

Quando ela continuou contando que depois de certo momento tomou dois copos de Chopp. “Eu fui fazer xixi com aquela moça morena que chegou com o Alessandro e tinha uns cinco caras na fila, eu perguntei para o Roger se tinha outro banheiro que eu pudesse usar, e o Roger respondeu tem, vamos lá. O Roger foi na frente e eu e a menina atrás. Aí o Lucas chegou e eu já estava dentro do banheiro e a menina na porta esperando, depois o Roger e a menina saíram. Quando eu fui, o Lucas estava numa sala, ali ele meteu uns três quatro socos na minha cara”.

Segundo a vítima, após as agressões, ela saiu em direção ao carro e todo mundo viu que ela estava com o nariz sujo de sangue. “Peguei minhas coisas e entrei no carro, ele foi atrás e passou a me agredir dentro do carro. Em seguida ele parou no meio da rua e mandou eu sair do automóvel e mandou eu correr, antes que ele me matasse”.

A jovem disse ainda que Ferraz ligou para uma mulher dizendo que ela [K.G] estava bêbada e que eles tinham discutido.

Um homem, que está junto na conversa, perguntou qual seria mesmo o motivo da briga, e ela insistiu dizendo que não teria feito nada. “O Lucas disse que Roger me falou beijo e eu respondi beijo. Gente, eu acho o Roger ridículo, um babaca”.

As mulheres continuam insistindo que a jovem deve procurar a delegacia, mas ela continua se negando e dizendo que vai para casa. A testemunha disse que ela estava com o nariz quebrado e ela retrucou – “Foda-se, eu vou para minha casa”.

As amigas aconselham que ela então divulgue o caso na internet já que não quer ir até à delegacia. E a jovem relatou que Lucas já estava cheio de processos por conta de agressão contra a ex-mulher. “E sabe porque eu não vou fazer, porque ele fez isso com a outra e acabou, não tem nada. O Lucas é um intocável”.

As testemunhas então decidiram procurar Roger e contar o que estava acontecendo e levar a vítima até ele. Antes de sair, uma testemunha contou para outra que havia gravado toda a conversa.

Na manhã desta segunda (19), o Grupo Agora de Comunicação esclareceu que o apresentador Lucas Ferraz não integra mais o quadro de colaboradores da TV VALE, em Tangará da Serra. Leia matéria relacionada - Apresentador nega agressões em vídeo gravado "no escuro" com a esposa; demitido da TV VALE

Circula nas redes sociais, um vídeo gravado pelo diretor de jornalismo, apresentador e repórter da TV Vale, afiliada da TV Record, Alessandro de Oliveira, onde ele contou que logo após o ocorrido, a jovem K.G., o procurou e ele imediatamente amparou a vítima.

“Acolhi ela, a levei para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade e a acompanhei e ela foi medicada. Lembro que ela não quis representar a denúncia contra o marido”.

Ele contou ainda que a Polícia Militar esteve no local somente realizando o boletim de ocorrência, que atendeu a denúncia realizada pelo médico da unidade de saúde. Ele reforçou que ela não quis representar contra o apresentador.

Segundo ele, depois dela ser atendida e receber todo o amparo, ela quis retornar para a residência do casal. “Eles seguem a vida, porém a TV Vale Record não compactua em momento algum com esse tipo de atitude. Por isso nós como emissora, Grupo de Comunicação, tomamos sim atitude de fazer o desligamento do apresentador da nossa empresa”, concluiu Alessandro.

 

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760