13 de Junho de 2024
13 de Junho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

Cidades Domingo, 13 de Fevereiro de 2022, 09:10 - A | A

Domingo, 13 de Fevereiro de 2022, 09h:10 - A | A

COVID-19

Secretário de VG diz que notícias falsas sobre vacina em crianças assustam pais: "eles aguardam reações"

Vídeos mentirosos em que crianças vacinadas aparecem morrendo causa “medo dobrado nos pais", diz secretário

Adriana Assunção/VGN

Com 14 mil crianças cadastradas e sete mil vacinadas, o secretário de Saúde de Várzea Grande, Gonçalo Barros em entrevista ao lamentou que fake News criada por negacionistas tem atrapalhado os andamentos da vacinação no município. 

Gonçalo relatou que de acordo com o Plano Nacional de Imunização (PNI), o município tem 31 mil crianças de 5 a 11 anos a serem vacinadas. Porém, dados da Educação Municipal apontam que o número de crianças nessa faixa etária é maior – em torno de 38 a 40 mil. “Se considerarmos os números do Plano Nacional de Vacinação, 50% dos várzea-grandenses já cadastraram seus filhos e 50% dos cadastrados já se vacinaram", declarou o secretário.

Contudo, ao refletir sobre a quantidade de crianças cadastradas - a metade - que não comparecem aos pontos de vacinação, Gonçalo lamenta. Ele afirma que a imunização contra Covid-19 ficará marcada por uma página negra na história, em razão das fake News criadas por negacionistas, que assustam tanto adultos, como as crianças.

Leia também: Gilberto afirma que MT tem vacina para todos, mas "pandemia negacionistas” tomou conta do país

“A Covid, esse desgaste, que assolou o mundo inteiro, lamentavelmente foi politizado aqui no país, os políticos deveriam ter vergonha dessa situação, levaram a ciência para o lado ideológico, absurdo discutir tudo que a ciência já fez, evoluiu, a nossa população tem uma cultura vacinal acima de países de primeiro mundo, e ainda sim, sofreu esses ataques covardes de negacionistas. Demonizam a vacina com fake news por aí a fora e isso assustou a população”, avaliou o secretário.

Barros relatou que mesmo a população adulta já vacinou assustada. Ele avalia - que se os pais já temiam reações -, imagina como se sentem em relação aos seus filhos. Ele cita vídeos mentirosos em que crianças vacinadas aparecem morrendo e frases que indicam elas como cobaias. Isso, segundo Gonçalo, causa “medo dobrado nos pais”.

“Chegamos a 14 mil cadastros, sete mil compareceram, eu acho que se essa pessoa se cadastrou é porque ela tinha intenção de vacinar. Então, o que acontece: eu acredito que tem muita gente aguardando para ver se vai acontecer qualquer tipo de efeito colateral, se haverá reação em alguma criança ou causar algum problema. Vai acabar vacinando o seu filho, mas está aguardando”, declarou.

Apesar do negacionismo, Gonçalo afirmou que muitos já começaram a levar as crianças. Neste sábado (11), Várzea Grande realizou o "Dia D" para vacinação de crianças entre 5 a 11 anos e para a próxima semana, a Secretaria de Saúde Municipal prepara uma surpresa para incentivar a imunização. “Felizmente nos últimos dias a vacinação em crianças teve um acréscimo", encerrou o secretário, sem detalhar os projetos.

Leia mais: Dia “D” da Vacinação contra Covid-19 para crianças será neste sábado (12) em VG

 

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).   

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760