15 de Junho de 2024
15 de Junho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

Cidades Segunda-feira, 15 de Agosto de 2022, 14:27 - A | A

Segunda-feira, 15 de Agosto de 2022, 14h:27 - A | A

VEJA VÍDEO

Idoso morre ao ter energia cortada pela Energisa; viúva afirma que conta estava paga

Marli, viúva do idoso, afirma que a conta estava paga.

Redação VGN

Domingos Cavalcante de Oliveira, 73 anos, morador de Vilhena (RO), morreu na sexta-feira (12.08), após ter uma discussão acalorada com funcionários da Energisa, que foram à sua residência para cortar a energia elétrica, alegando estar em atraso.

A câmera de segurança de um vizinho registrou os momentos da confusão. Nas imagens divulgadas pelo site local, Vilhena Notícias, aparece o idoso agredindo e sendo agredido pelos funcionários da Energisa. Com a discussão, ele passou mal e morreu a caminho do hospital.

Segundo informações do site Vilhena Notícias, Marli, viúva do idoso, afirma que a conta estava paga. Ela relatou ao portal local, nesta segunda (15.08), que a Energisa incluiu seu nome no Serasa indevidamente, por constar um débito de R$ 318,50, referente a uma fatura do mês 11/2021. Contudo, segundo ela, a fatura foi paga na própria Energisa, e na ocasião, o atendente informou que não seria possível entregar o comprovante de pagamento porque o sistema estava fora do ar, mas que posteriormente poderiam retornar para pegar o comprovante.

“Nós pagamos esse débito na Energisa, mas como o sistema estava fora do ar, não recebemos o comprovante de pagamento. Voltamos outras vezes para buscar o comprovante, mas a fatura constava em aberto. Mesmo com o comprovante de que este valor saiu da conta bancária, a fatura constava em aberto” relatou a viúva ao portal de notícias.

Conforme a viúva, na sexta passada, por volta das 10 horas da manhã, quase nove meses após a emissão da fatura, uma equipe terceirizada da Energisa, esteve na sua residência para realizar o corte da energia.

Marli detalhou que seu esposo foi até a frente da residência quando percebeu que a equipe terceirizada da Energisa estava realizando o corte, e questionou os funcionários, pois a conta estava paga.

“Meu esposo ficou muito nervoso e ali começou uma discussão entre ele e os funcionários, que afirmavam que a conta ainda estava em aberto no sistema. Meu esposo foi agredido pelos funcionários, e pediu para o vizinho acionar a Polícia Militar. O vizinho tentou acalmar os ânimos, conversou com a equipe, e com o meu esposo” disse ao site local.

Segundo Marli, um dos funcionários acusou o idoso de estar “roubando” energia, e quando Domingos caiu no chão, falaram que ele estava fazendo drama.

“Colocamos ele no carro do vizinho, ele deu dois suspiros, bem forte e depois faleceu. Quando chegamos na UPA ele já estava sem vida. Em nenhum momento os funcionários se preocuparam em socorrer meu esposo, ficaram só olhando” desabafou Marli, ao contar que o esposo faleceu em seus braços.

Conforme reportagem do site local, após o idoso ter sido levado para a UPA, o Corpo de Bombeiros que havia sido acionado pela Polícia Militar chegou ao local, e foram informados que ele já havia sido encaminhado para UPA.

“Mesmo afirmando que a conta já estava paga, o corte de energia foi realizado e a residência continua sem energia” destaca o portal.

A Energisa enviou uma nota ao portal Vilhena Notícias, confira na íntegra:

A Energisa esclarece que na manhã da última sexta-feira, no município de Vilhena, uma de suas equipes foi designada para efetuar a inspeção do fornecimento de energia em um imóvel com ligação irregular, sendo recebida de forma agressiva pelo proprietário da residência que chegou a ameaçar os trabalhadores e a tomar a chave do carro do veículo deles. Em razão das ameaças, a equipe da Energisa acionou a Polícia Militar, que compareceu ao local para acompanhar o caso. O proprietário da residência, exaltado, sentiu-se mal, vindo a desmaiar, situação que foi presenciada pela polícia. Ele foi encaminhado por familiares para a Unidade de Pronto Atendimento.

 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 

Uma publicação compartilhada por VGN (@vgnoticias.oficial)

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).   

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760