14 de Junho de 2024
14 de Junho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

Brasil Terça-feira, 06 de Setembro de 2022, 16:17 - A | A

Terça-feira, 06 de Setembro de 2022, 16h:17 - A | A

“Somos UM pela democracia, somos todos pelo Brasil

Líderes evangélicos lançam campanha em favor da democracia: "Nessas eleições, diga sim à vida e não às armas!"

“Vida e armas não podem caminhar juntas", diz trecho da Carta Aberta

Edina Araújo/VGNotícias

Líderes evangélicos de todo Brasil, a exemplo da pastora Viviane Costa, da Assembleia de Deus do Rio de Janeiro, pastor José Marcos, da Batista de Pernambuco, e a bispa Marisa de Freitas, emérita da Igreja Metodista, lançam ‘Carta Aberta’ em apoio à democracia e ao Estado Democrático de Direito. “Somos UM pela democracia, somos todos pelo Brasil” é a campanha que será lançada nesta terça-feira (06.09) e tem quase 3 mil assinaturas. Clique Aqui e confira.

Os líderes apontam que no momento atual, há muitos desafios para o país, como a fome, o desemprego e subemprego que causam sofrimento a tantas famílias; nesse tempo de tantas divisões e conflitos entre muitos lares e igrejas; e de muitas mentiras que circulam em redes sociais, “nos unimos a irmãos e irmãs - cristãos de diversas igrejas em todas as partes do Brasil para juntar nossas forças, orar e agir em defesa do bem estar para todos, da democracia brasileira, do processo eleitoral e do respeito ao resultado das urnas”.

"Somos seguidores de Cristo e precisamos nos posicionar contra as armas, que são instrumentos que geram morte e destruição. “Vida e armas não podem caminhar juntas… Nessas eleições, diga sim à vida e não às armas!”, diz trecho do manifesto.

Eles fazem um questionamento sobre o uso de armas: “Armas geram vida ou morte? E apontam que somente em 2021, quase 4 mil pessoas foram mortas por armas de fogo. “Mais de quarenta e uma mil mortes… mais quarenta e uma mil histórias interrompidas, mais de quarenta e uma mil famílias destruídas, tudo isso operado por armas. Morte e destruição são os decretos do diabo para este mundo…”.

E seguem “Jesus, o Príncipe da Paz, nos afirmou que Ele veio para nos dar vida, e vida em abundância. Ele mesmo também nos disse que o diabo veio para matar, roubar e destruir. A partir dessas verdades, precisamos definir os princípios que influenciam nossas vidas e decisões em questões importantes… Se somos seguidores de Cristo, precisamos nos posicionar contra as armas, que são instrumentos que geram morte e destruição. Vida e armas não podem caminhar juntas… Nessas eleições, diga sim à vida e não às armas!”

Passados mais de 200 anos da chegada dos primeiros protestantes em nossa terra, percebemos que temos nos distanciado dos valores humanos e evangélicos que eles nos deixaram, ideias de liberdade, democracia e dignidade humana.

Lamentamos profundamente que a política esteja contaminando esta fé com a mentira, as fake news, os discursos raivosos e um autoritarismo que não tem nada a ver com a mensagem libertadora de Cristo

Oramos por nosso país e clamamos a Deus por democracia, direitos, justiça e paz. Somos um pela democracia, porque somos um pelo pão, pela verdade, pelo respeito, pela justiça, pela paz.

Leia Carta Aberta na íntegra

Nesse momento atual, de muitos desafios para o nosso país, como a fome, o desemprego e subemprego que causam sofrimento a tantas famílias; nesse tempo de tantas divisões e conflitos entre muitos lares e igrejas; e de muitas mentiras que circulam em redes sociais, nos unimos a irmãos e irmãs - cristãos de diversas igrejas em todas as partes do Brasil para juntar nossas forças, orar e agir em defesa do bem estar para todos, da democracia brasileira, do processo eleitoral e do respeito ao resultado das urnas.

Passados mais de 200 anos da chegada dos primeiros protestantes em nossa terra, percebemos que temos nos distanciado dos valores humanos e evangélicos que eles nos deixaram, ideias de liberdade, democracia e dignidade humana.

Trazendo na bagagem a fé evangélica, eles não vieram para promover ódio e intolerância religiosa. Tinham a esperança de ajudar a construir um país abençoado, onde pessoas diversas pudessem conviver em paz.

Lamentamos profundamente que a política esteja contaminando esta fé com a mentira, as fake news, os discursos raivosos e um autoritarismo que não tem nada a ver com a mensagem libertadora de Cristo.

Oramos por nosso país e clamamos a Deus por democracia, direitos, justiça e paz. Somos um pela democracia, porque somos um pelo pão, pela verdade, pelo respeito, pela justiça, pela paz.

Somos um pelo pão de cada dia. Oramos e defendemos que os mais pobres do Brasil deixem de passar fome e tenham alimento digno pois Deus é amor e nos ensina a compartilhar e amar o bem comum. (Mateus 6.11; Marcos 6.30-37; 2 Coríntios 8.14, 15; 1 João 3.16, 17).

Somos um pela verdade e contra notícias falsas e discurso agressivo que tem dividido famílias e separado amigos e irmãos. Oramos pelo seguimento à orientação dos apóstolos de não se deixar levar pela “esperteza dos homens que induzem ao erro. Antes, seguindo a verdade em amor” (Efésios 4.14-16).

Somos um pelo respeito. Defendemos e oramos por diálogo sem ódio e sem violência, mas com coragem de manifestar o amor mesmo quando discordamos, lembrando sempre do mandamento de Jesus: "Amai-vos uns aos outros como eu vos amei." (João 13.34)

Somos um pela justiça. Defendemos as instituições democráticas que, mesmo imperfeitas, garantem nossos direitos. Oramos para que seus princípios sejam respeitados, seguindo a orientação bíblica de "Dar a César o que é de César, e a Deus, o que é de Deus.” (Mateus 22.21; 5.20; 6.33)

Somos um pela paz. Defendemos e oramos por eleições pacíficas, sem armas e ameaças. Pois "a mentalidade da carne é morte, mas a mentalidade do Espírito é vida e paz". (Romanos 8.6; 12.17-21)

Como Jesus nos fez um, sejamos um pelos princípios que ele nos ensinou a amar.

Que Deus abençoe o nosso país, para que “a justiça corra como um rio perene” (Amós 5.24).

Amém!

Leia também

Bolsonaro aciona TSE para excluir vídeo sobre compra de imóveis por R$ 25 milhões em “dinheiro vivo”

Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).   

 

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760