20 de Julho de 2024
20 de Julho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

Polícia Quinta-feira, 23 de Novembro de 2023, 17:05 - A | A

Quinta-feira, 23 de Novembro de 2023, 17h:05 - A | A

Paraense

Jovem é assassinado e tem coração arrancado; três suspeitos são presos

Investigações apontam que crime foi ordenado por presidiário da PCE de Cuiabá

Angelica Gomes /VGN

Três homens envolvidos na execução do jovem Daniel Azevedo de Abreu, de 22 anos, que foi sequestrado e teve o coração arrancado em setembro deste ano, em uma propriedade rural de Sinop (a 479 km de Cuiabá), foram presos pela Polícia Civil. A vítima era do Pará e estava morando em Sinop recentemente.

Conforme a Polícia Civil, as investigações contra os envolvidos iniciaram após o jovem ter sido sequestrado no dia 1º de setembro no município. Durante as investigações, a equipe apurou que Daniel foi brutalmente assassinado e torturado até a morte; o corpo da vítima foi desovado em uma área rural próximo à Estrada Brígida.

Toda a ação criminosa foi gravada pelo celular de um dos suspeitos, as imagens obtidas pelos investigadores mostram Daniel sendo executado com tiros e logo tendo seu coração arrancado.

Um dos suspeitos foi preso no dia de setembro pela Polícia Militar, com a suposta arma utilizada na execução, e a partir da prisão dele, a Polícia Civil conseguiu identificar outras duas pessoas envolvidas. O suspeito foi encaminhado à audiência de custódia da Justiça e liberado mediante uso de tornozeleira eletrônica. Mas foi preso novamente após praticar um roubo.

O segundo envolvido no crime, conhecido como Polaquinho, de 23 anos, foi preso na tarde dessa quarta-feira (22), no bairro Jardim Primavera, no município.

O suspeito conhecido como ‘Nike’, 32 anos, apontado como líder do sequestro, foi preso nesta manhã no bairro Jardim Vindilina, pela equipe da Delegacia de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP), durante o cumprimento de um mandado de prisão.

Conforme a DHPP, a ordem da execução foi dada por um presidiário da Penitenciária Central do Estado, em Cuiabá, após suspeitas de que Daniel seria supostamente membro de uma facção rival.

Leia também: Motocicletas furtadas são localizadas pela PM em casa no Cinturão Verde

 

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).   

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760