16 de Junho de 2024
16 de Junho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

Artigos Sábado, 12 de Março de 2022, 08:31 - A | A

Sábado, 12 de Março de 2022, 08h:31 - A | A

Arnaldo Sérgio Patrício*

Entenda o que realmente é dieta low carb

Arnaldo Sérgio Patrício*

É preciso deixar de lado muito do que já se ouviu falar sobre a dieta low carb. Desapegue de aplicativos, medidores, e alguns conceitos construídos ao longo desses anos que a dieta se popularizou para entender que é possível praticá-la sem sofrimento. Paciência é outra palavra-chave e é essencial entender que comparações não ajudam em nada. São metabolismos diversos e cada pessoa vai reagir à nova rotina de alimentação de maneira diferente.

Se você seguir o que normalmente vê nas mídias sociais, vai logo associar low carb com um alto teor de gordura em que é necessário adicionar manteiga e óleo MCT a tudo o que come. Melhor esquecer tudo isso, ainda mais se o objetivo principal é perder peso ou melhorar um problema de saúde como diabetes tipo 2, síndrome dos ovários policísticos, pressão alta, resistência à insulina ou fígado gorduroso.

A coisa mais importante a fazer é manter a ingestão de carboidratos baixa. Isso mesmo! O que torna uma dieta fantástica não é a presença de gordura – é a redução de carboidratos! Isso é o que “aciona o interruptor” para ajudar seu corpo a priorizar a queima de gordura e não de carboidratos.

Se você já ouviu falar que precisa de aplicativos, medidores e dispositivos especiais para pesar e medir sua comida, medir o nível de cetona ou calcular os “macros” (as porcentagens das calorias provenientes de proteínas, gorduras e carboidratos), esqueça tudo isso – delete-o da memória!

Isto só irá complicar a situação e tornar as refeições algo estressante. A ideia é facilitar, especialmente quando você está apenas começando. Você não está tentando pousar um robô em Júpiter, você só quer uma maneira de comer que você possa implementar e desfrutar – e com a qual tenha sucesso!

Outro ponto importante é: tenha expectativas realistas! Dieta low pode transformar radicalmente sua saúde e seu físico. Mas lembre-se de que a transformação pode não acontecer tão rapidamente quanto você deseja e pode não acontecer tão rapidamente quanto a de outra pessoa. Você é um indivíduo único com sua própria genética, hábitos de vida e histórico alimentar e médico. Deixe o sucesso de outras pessoas inspirar e motivar você, mas não compare e se desespere. Seja consistente e você alcançará seus objetivos, mesmo que a jornada demore um pouco mais do que você gostaria.

A verdade é que qualquer que seja sua idade, sexo ou peso inicial ou estado de saúde, você pode ter sucesso na dieta low carb. O sucesso pode demorar um pouco mais do que para alguém em uma categoria diferente, mas aqui entra outra dica essencial: não fique obcecado com a balança.

Nem todo mundo faz dieta low carb para perda de peso, mas certamente é um dos motivos mais comuns. Então, se você está nisso para esse propósito, aqui está o que você precisa saber: você não vai perder peso na mesma proporção toda semana ou todo mês. Algumas semanas e meses você verá uma grande diminuição no seu peso, enquanto outras vezes a balança mal se moverá, mesmo quando você estiver fazendo tudo certo. Esteja nisso a longo prazo e entenda que a velocidade de sua perda de peso se torna menos importante.

Não use o peso da balança como a única maneira de avaliar como as coisas estão indo. Não é incomum que seu tamanho e forma mudem mesmo quando o peso da balança permanece o mesmo. Considere fazer medições ou preste atenção em como suas roupas se encaixam. Suas calças não mentem! A perda de peso não é uma coisa completamente estável e linear que acontece no mesmo ritmo o tempo todo.

E para finalizar, algo que nem todos falam, mas cansaço e dor de cabeça na fase inicial da dieta low carb pode ocorrer. O problema mais comum são as dores de cabeça. Você também pode sentir tonturas, vertigens, náuseas, fadiga ou até cãibras musculares, que não estão atribuídas ao esforço. Uma dica é aumentar o sal nos alimentos, mas vale um alerta se tiver pressão alta ou insuficiência cardíaca: consulte seu médico antes de usar mais sal. O magnésio também ajuda na constipação, que algumas pessoas experimentam na dieta low carb.

* Arnaldo Sérgio Patrício é especialista em Medicina Interna e Radiologia. Também é diretor da Unidade de Emagrecimento e Longevidade (UEL). Instagram @arnaldosergio

Diga NÃO as queimadas! Clique AQUI 

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

 Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).   

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760