21 de Julho de 2024
21 de Julho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

Saúde Quinta-feira, 27 de Abril de 2023, 14:47 - A | A

Quinta-feira, 27 de Abril de 2023, 14h:47 - A | A

diabetes

Concorrente do Ozempic: novo remédio para diabetes reduz peso em 16%

Pacientes com diabetes tipo 2 que tinha obesidade ou sobrepeso alcançaram redução de 15,7% do peso após 72 semanas de uso da tirzepatida

metrópoles

A farmacêutica Eli Lilly informou, nesta quinta-feira (27/4), que seu medicamento experimental contra a diabetes tipo 2 ajudou pacientes com obesidade ou sobrepeso a perderem até 15,7% do peso corporal. Os resultados foram encontrados em um grande estudo que está em fase avançada.

Os voluntários que receberam uma alta dose do medicamento Mounjaro – também conhecido como tirzepatida – perderam, em média, 15 quilos ao final de 72 semanas. A pesquisa contou com 938 adultos com obesidade ou sobrepeso e diabetes tipo 2.

Cerca de 82% das pessoas que usaram a dose de 10 mg e 86,4% das que fizeram uso de 15 mg perderam pelo menos 5% do peso corporal, em comparação com 30,5% dos indivíduos do grupo placebo que também perderam peso.

Entre os participantes com dosagem de 10 mg houve uma médias de perda de 13,4% do peso (13,5 kg). Nos do grupo com dose de 15 mg, a redução alcançada foi de 15,7% (15,6 kg), em comparação com os que usaram placebo, onde a redução média foi de 3,3%, ou 3,2 kg.

Os eventos adversos relatados com mais frequência foram náuseas, diarreia, vômitos e constipação. Eles ocorreram com mais frequência durante o período de mudança da dose e eram, geralmente, de gravidade leve a moderada.

Fatores de risco
O sobrepeso e a obesidade são considerados os principais fatores de risco que levam à diabetes tipo 2. Isso porque a gordura corporal provoca resistência à insulina. O controle de peso é indicado para complementar o tratamento do diabetes.

A tirzepatida foi aprovada em maio de 2022 pela agência americana Food and Drug Administration (FDA), equivalente à Anvisa no Brasil, com o nome de Mounjaro para o tratamento de diabetes tipo 2. Ele é um receptor de polipeptídeo insulinotrópico dependente de glicose (GIP) e agonista de receptor de peptídeo semelhante a glucagon-1 (GLP-1).

A Eli Lilly informou em comunicado que planeja pedir a aprovação de uso do Mounjaro ao FDA para o tratamento de adultos com obesidade ou sobrepeso. “Esperamos uma ação regulatória já no final de 2023”, informou a empresa.

Leia mais; Ex-narrador detona TV Globo: “Só contrata preto, mulher e homossexual”

 

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760