20 de Junho de 2024
20 de Junho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

Eleições 2022 Segunda-feira, 03 de Outubro de 2022, 11:14 - A | A

Segunda-feira, 03 de Outubro de 2022, 11h:14 - A | A

aumento expressivo

Eleição demostra aprovação e ascensão de deputados no mandato; confira aqueles que elevaram votação

Eleição demostra aumento expressivo de votação de Janaina Riva; Eduardo Botelho, Max Russi e Nininho

Lucione Nazareth/VGN

As eleições desse domingo (02.10) demonstram aprovação e ascensão de alguns deputados estaduais que estão no mandato, como de Janaina Riva (MDB); Eduardo Botelho (União); Max Russi (PSB) e Ondanir Bortolini, popular Nininho (PSD).

Nas eleições de 2018, Janaina Riva foi eleita com 51.546 votos, sendo a mais votada naquele pleito para uma vaga na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT). Nesse domingo, Riva voltou a ter votação expressiva com 82.124 votos, representando um crescimento no número de votos de 59,3% [30.578 mil votos].

Max Russi, que foi o segundo mais votado nesse domingo ao obter 70.328 votos, conseguiu elevar o número de eleitores que confiam no seu trabalho no Legislativo em mais de 100%. Em 2018, ele foi eleito com 35.042 votos, ou seja, em quatro anos em dobrou sua votação [representando um aumento de 35.286 votos].

O atual presidente da Assembleia, Eduardo Botelho (União) elevou em 53,8% o número de votos se comparado os votos obtidos neste pleito com os de 2018. No domingo, Botelho foi lembrado por 51.998 votos, sendo que em 2018 foi eleito com 33.788 [total de 18.210 mil votos novos].

Nininho por sua vez foi reeleito deputado após obter 50.875 mil votos, sendo que em 2018 havia conquistado o direito de seguir na Assembleia com 37.501 mil votos. O crescimento no número de eleitores foi de 35,6% em quatro anos, um total de 13.374 mil votos.

Paulo Araújo (PP) obteve crescimento em 110% se comparado com os números de 2018. Ele passou de 11.645 na última eleição, para 24.551 votos obtidos nesse domingo [aumento de 12.906 mil votos].

Lúdio Cabral (PT) obteve crescimento em 109% se comparado com os números de 2018, passou de 22.701 na última eleição, para 47.533 votos [aumento de 24.832 mil votos, que inclusive supera o número de pessoas que confiaram nele em 2018].

Dr. Eugênio (PSB) na eleição desse domingo conseguiu elevar sua votação em 88,5% se comparado com os votos conquistados em 2018. Há quatro anos o deputado foi eleito com 13.458 mil votos, e agora conquistou a reeleição com 25.378 mil votos [11.920 mil votos de crescimento].

Wilson Santos (PSD), que em 2018 foi reeleito pelo PSDB tendo obtido 14.855 votos. Neste ano, pelo PSD voltou a ter voto de confiança dos eleitores, sendo lembrado por 23.446 mil mato-grossenses: crescimento de 57,8%, representando aumento de 8.591 mil votos.

Thiago Silva (MDB) foi reeleito nesse domingo com 30.506 votos. Em 2018, ele havia conquistado uma vaga na Assembleia após receber 19.339 votos: aumento de 57,7%, ou 11.167 mil votos.

Faissal (Cidadania) teve um crescimento de 47,4% em comparação dos votos deste ano com aqueles obtidos em 2018: passando de 20.509 mil para 30.240 votos – aumento de 9.731 mil.

Dilmar Dal Bosco (União) aumentou seu número de eleitores em 46,2%, passando de 28.827 mil votos na eleição de 2018 para 42.156 votos nesse domingo – aumento de 13.329 de eleitores.

Sebastião Rezende (União) conquistou em 2018 um total de 25.683 mil votos, e neste ano aumentou em 43,7% o número de eleitores que confiam em seu trabalho: tendo uma votação de reeleição de 36.919, ou seja, 11.236 novos votos conquistados.

Valdir Barranco (PT) elevou em quatro anos o número de votos em 33,6%. Em 2018 foi reeleito com 21.970 votos, e neste domingo ganhou mais quatro anos no Parlamento após 29.359 mil votos – crescimento de 7.389 mil votos.

Dr João (MDB) saltou de 19.836 votos em 2018 para 24.957 votos do pleito deste ano – aumento de 25,8%, ou 5.121 mil votos.

Valmir Moretto (PRB) teve crescimento de 18,5%, passando de 21.261 mil votos em 2018 para 25.207 na eleição deste ano.

Elizeu Nascimento (PL) praticamente manteve o número de votos conquistado nas eleições de 2018. Naquela eleição ele obteve 21.347 mil votos e nesse domingo foi reeleito com 22.415 – aumento de 5% ou aumento de 1.068 mil votos.

Leia Também - Fabinho foi eleito com mais de 29,6 mil votos, sendo que destes 18.818 foram conquistados em Várzea Grande

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760