24 de Julho de 2024
24 de Julho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

Fatos de Brasília Segunda-feira, 17 de Junho de 2024, 08:18 - A | A

Segunda-feira, 17 de Junho de 2024, 08h:18 - A | A

saúde

Nova Caderneta da Criança é lançada com teste para detecção precoce de autismo

Na caderneta consta detecção precoce de risco para Transtorno do Espectro Autista

Lucione Nazareth/Fatos de Brasília

O Ministério da Saúde lançou a nova versão da Caderneta da Criança – Passaporte da Cidadania que traz o M-CHAT-R, um instrumento para detecção precoce de risco para Transtorno do Espectro Autista.

Segundo a pasta, em relação ao M-CHAT-R foi acrescentado no documento o link da entrevista de seguimento, que deve ser aplicada quando a primeira etapa do teste é positiva.  

“Todas essas orientações são de extrema importância, pois evidenciam que se trata de um teste de triagem, não de uma confirmação de diagnóstico de TEA, e preparam os profissionais para usá-lo adequadamente nas duas etapas de triagem”, diz trecho da nota do Ministério.  

Em outro trecho da nota, o Ministério destacou: “As informações também são relevantes para que as famílias compreendam o significado do teste e que o diagnóstico de crianças com autismo necessita de uma equipe multiprofissional".

Ainda segundo o órgão, a previsão inicial é da impressão de cerca de 3 milhões de novas cadernetas, para distribuição em todos os Estados e capitais. A previsão é que o material seja encaminhado no segundo semestre. Contudo, o formato on-line já está disponível.

Como funciona o teste 

A escala M-Chat-R/F é um instrumento utilizado para auxiliar a identificação de pacientes com idade entre 16 e 30 meses com possível Transtorno do Espectro do Autismo. O texto afirma que há possibilidade de haver resultado falso-positivo, portanto, não é um fator decisivo no diagnóstico de TEA. 

O instrumento se baseia em uma entrevista de 20 estímulos que as mães devem fazer com os filhos para identificar a condição. Dependendo do resultado das perguntas, avaliadas em “Sim” e “Não”, a criança deve ser direcionada a um especialista.

Leia Também - Mauro Mendes é condenado a pagar multa por obra irregular no Alphaville

 
 

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760