18 de Julho de 2024
18 de Julho de 2024
 
menu

Editorias

icon-weather
lupa
fechar
logo

Artigos Terça-feira, 18 de Junho de 2024, 14:42 - A | A

Terça-feira, 18 de Junho de 2024, 14h:42 - A | A

Gabriela Araújo*

É desumano exigir que uma vítima de estupro crie uma criança com todos os traumas vivenciados

Gabriela Araújo*

O Projeto de Lei (PL) 1904/2024 vem gerando grande tumulto nas redes sociais, principalmente por propor que o aborto após a 22ª semana de gestação seja considerado homicídio, inclusive nos casos atualmente permitidos por lei, e por imputar penas mais severas para a vítima de estupro do que para o estuprador.

É extremamente desumano exigir que uma vítima de estupro crie uma criança com todos os traumas vivenciados por ela, e mais desumano ainda a pena da vítima por abortar ser superior à pena do abusador. É repugnante a forma como ignoram totalmente a saúde mental das vítimas, entre elas muitas crianças, e preferem se preocupar com a probabilidade do aborto ao invés do bem-estar mental daquelas que sofreram abuso. Chega, inclusive, a ser triste a maneira como estão tratando as vítimas, querendo que as mesmas gerem um bebê que foi concebido em um momento terrível.

Atualmente, se tem uma ideia muito falsa de que a criança, fruto de um abuso, vai fazer com que a mãe, vítima do estupro, esqueça todo o passado e a maneira como a criança foi concebida, quando, na verdade, em muitos casos, a vítima não está preparada para cuidar de uma criança. Muito se fala, também, sobre não abortar e apenas colocar a criança no orfanato, mas como garantir a saúde de uma criança colocando-a em um orfanato?

A realidade dos orfanatos é muito diferente e mais triste do que muitos têm na cabeça, e mesmo quando uma mulher decide colocar a criança indesejada para adoção, é fortemente criticada, deixando evidente que, de ambas as formas, não será aceita, e mostrando, novamente, que a liberdade de escolha da mulher está cada vez menor.

*Gabriela Araújo, é estudante do 3º Ano do ensino médio

Brasil unido pelo Rio Grande do Sul

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

 Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).   

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 01 - JD. IMPERADOR
CEP: 78125-760 - Várzea Grande / MT

(65) 3029-5760
(65) 99957-5760