Igreja Universal terá que indenizar pastor obrigado a fazer vasectomia "para evitar o aumento salarial”

Ilustração

Vasectomia

 

A Igreja Universal deverá indenizar, por danos morais e materiais, homem que foi obrigado a passar por procedimento de vasectomia ao ser admitido como pastor da igreja. Ele vai receber R$ 100 mil por danos morais e R$ 15 mil por danos materiais. Segundo o pastor,  quando da sua admissão na igreja, aos 18 anos de idade, foi obrigado a fazer vasectomia "para evitar o aumento salarial com custos familiares".


Fonte: VG Notícias

Visite o website: wwww.vgnoticias.com.br